20080424

São considerados impuros ...


... por isso ninguém ousa tocar-lhes.

São os intocáveis, Dalit ou párias.

A propósito de um post do Paulo Guinote

Não Se Deve Tocar Na Senhora Ministra

4 comentários:

Gato disse...

Comparar os intocáveis com a Sra Rodrigues, independentemente do que se pretende é de um extremo mau gosto e desrespeito para esta casta.

Moriae disse...

Para mim, não há castas. Há pessoas. Bem sei que para algumas pessoas, não é fácil entender determinadas ironias. Talvez as palavras-chave possam ajudar.
Tive o privilégio de conhecer a Índia, de estar com eles, entre leprosos, intocáveis. Não fiz turismo... Estive lá, com eles. Fui tocada.
Aprendi muito, senti que parte de mim tinha feed-back. Se pudesse, estava lá. Dou-me melhor com os 'miseráveis' do que com os iluminados. E falo assim deles porque é como vocês falam ... de castas ... de 3º mundo.
Repito, vai tudo cair de podre ...

pordentro disse...

A mim parece-me que intocáveis são aqueles que por todos os meios e feitios se perpetuam.

Aliás, como o vinho, só grandes casta sobrevivem nesta peladinha de poderes.

Não andará o amigo enganado e ser o terreno de jogo outro que não este?

Não é convite à desistência é sobretudo o alerta a uma total, desculpe, falta de dignidade imensurável.

Toda a gente tem direito a pensar o que quer e se há evidência maior que aquela que quiseram fazer entrar na cabeça de pessoas que estavam desde a primeira hora na luta, foi de que a montanha pariu afinal um rato.

Nunca percebi muito bem porque razão se tem de condicionar as coisas a uma suposta razão de estarmos certos.

Depende sempre de como se observam as coisas.

pordentro disse...

Espero que tenha a melhor visão do assunto, não será, todavia, por isso, que tenha a razão que lhe assista... e para isso basta o que é evidente.

Cada um defende a sua dama e a minha não tem a dimensão da sua abrangência. É, pelo contrário,muito mais real.

Boa sorte nessa luta...