20080708

A falsa questão da mudança?

...
Imagem do Fórum de Numismática

Na sequência do post
Bons Negócios! , em que se podia ler:
"Stanley Ho conseguiu o aval da Fundação da Escola Portuguesa de Macau – proprietária da instituição – para a saída das actuais instalações situadas no centro da cidade, junto aos seus hotéis Lisboa e Grand Lisboa, abrindo assim caminho a uma negociação com o Governo para a aquisição do terreno onde actualmente funciona o estabelecimento de ensino. (...)" (JCS/Lusa)
Hoje, a situação é outra ... "(...) A falsa questão da mudança
Sobre a eventual mudança das instalações da Escola Portuguesa, a ministra da Educação reafirmou o que já tinha referido – que “o assunto aguarda uma decisão do Governo da região”, cujos “ritmos” estão a ser respeitados “inteiramente”. Um assunto que será discutido com o Governo da região, mais precisamente hoje, já que às 16h00 está prevista uma reunião com o Chefe do Executivo à qual se seguirá um encontro com o secretário para os Assuntos Sociais e Cultura. “É um assunto para conversar com o Governo de Macau e não deve haver do nosso lado nenhuma pressão sobre essa decisão, que deve ser ponderada”, explicou.
Por seu turno, o presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação, José Luís de Oliveira Paulo, afirmou que a questão da mudança de instalações quase nem foi mencionada, até porque “todos estão de acordo e não há que ter angústias quanto a isso”. E, reiterou, “a escola é de boa qualidade, está bem localizada, tem boas instalações – e, neste momento, o plano que existe é no sentido de se trabalhar nesta e não noutra escola”." (Hojemacau)
E como nós já conhecemos a peça ...

1 comentário:

JSerra disse...

Pergunte-se a Melancia.