20081024

ME: avaliação professores não será suspensa nem simplificada


sexta-feira, 24 de Outubro de 2008 | 21:00



O secretário de Estado adjunto e da Educação, Jorge Pedreira, garantiu hoje que o processo de avaliação de desempenho dos professores não será suspenso nem simplificado, alertando que os docentes que não forem avaliados não progridem na carreira.

«Não há nenhuma razão para suspender o processo de avaliação de desempenho e não é verdade que o processo esteja a sufocar as escolas. Neste momento, aquilo que há a fazer é apenas a fixação dos objectivos individuais e não é isso que impede algum professor de trabalhar com os seus alunos«, afirmou Jorge Pedreira, em declarações à Agência Lusa.

14 comentários:

Anónimo disse...

Exactamente

ASHA disse...

Pronto, voltamos ao mesmo! Ele há gente que é burra mesmo!!!

Anónimo disse...

Pois, não se está a passar nada. Está tudo normal!

Manuel Ramos disse...

Nada tem que ver com o assunto, e por isso peço desculpa. Mas havia que denunciar a manhosa pergunta para sondagem que apresenta a página principal do Sapo (www.sapo.pt) no canto inferior direito:
Concorda com o processo de avaliação aos professores?
Sim: 3792 (45%)
Não: 3131(37%)
Não sei: 1458(17%)
Não seria mais honesto perguntar: Concorda com o modelo de avaliação dos professores proposto pelo ME?
Enfim, assim se fazem sondagens!!
Um professor em luta

Anónimo disse...

Quando se abre a boca do Lemos,
Sai o que já sabemos...

Quando é a do Pedreira,
Também só sai asneira...

Abraço, M.!

LOOOOOOOOOOOOOLLLLLLLLLL

Simplesmente... disse...

Para quem tem observação de aula marcada, reencaminho este mail que recebi:

Olá colegas!

Na sequência do processo de avaliação, venho informar-vos de que irei pedir formalmente ao meu avaliador que me deixe assistir a algumas das suas aulas.
Parece fazer todo o sentido que nos seja dada a oportunidade prévia de sabermos com o que podemos contar e de estarmos todos em igualdade de circunstâncias. Se o M.E. nos trata como estagiários inexperientes então que alguém abalizado nos mostre como se dá uma aula!
Mesmo que não concordem e que achem a minha proposta um perfeito disparate, peço-vos que passem este mail a todos os colegas desta escola (e de outras)!

Cumprimentos a todos!

Arrebenta disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
JSerra disse...

A grande questão será:
... não progridem em que carreira?

Anónimo disse...

A avaliação é optativa? parece que sim.
Quem não quiser progredir pode dispensar a avaliação, é o que entendo das palavras do JP.
MJP

Anónimo disse...

exactamente

Moriae disse...

Manuel Ramos,

não tem de pedir desculpa e diga sempre o que bem entender :).

Vem até muito a propósito o que refere ... é um exemplo grave da falta de isenção ou profissionalismo de quem faz essas coisas.

Hoje em dia toda a gente fala de educação e professores mas ... a grande maioria não sabe do que fala.

Abraço solidário!
M.

Moriae disse...

Simplesmente,

a ideia é excelente :) A ser viável seria muito interessante!!!

abraço,
M.

Moriae disse...

JSerra,

bem apanhado amigo!!!Qual carreira eheheh - está sol e não vale a pena chorar :/ ...

Moriae disse...

MJP,

duvido que seja optativa ... assim não poderiam manda pessoas tão rapidamente para a rua nem fazer gato sapato delas todos os dias ...

Abraço,
M.