20081209

Documento enviado para um Agrupamento de Ermesinde



(clique na imagem para aumentar)


Proponho que nos Agrupamentos/Escolas onde chegue este documento os professores se juntem para dar uma resposta colectiva (pois o que o ME deseja é que individualmente as pessoas acabem por ceder a este tipo de pressões!). O ME continua a lançar as suas malhas em cima dos professores. Só com a classe unida será possível denunciar e recusar estes vergonhosos assédios ministeriais à força unida dos professores.

7 comentários:

Anónimo disse...

1. Quer ser avaliado?.....SIM
2. Pretende entregar os seus OI?...NÃO
3. Pretende que as suas aulas sejam obsevadas?.....NÃO
4. Pretende ser avaliado pelos EC?...NÃO

E assim o que é que acontece?lol

Anónimo disse...

Quando li o documento aqui divulgado, fiquei na dúvida se seria um documento interno de um agrupamento específico, cumprindo ou não ordens emanadas directamente do ME. Ainda não consegui averiguar mais, por escassez de contactos. No entanto, tenho conhecimento de um conselho executivo, a convocar via e-mail, professores do seu agrupamento, para uma reunião sobre avaliação, com pouco mais que 24 horas de antecedência...

Ei-lo:

Exmª Sr.ª Coordenadora

Informo V. Excia. que o Presidente do Conselho Executivo convida os professores para uma Reunião a realizar amanhã dia 10 (dez) de Dezembro, pelas 18: 30m, com a seguinte agenda:

AVALIAÇÃO - desempenho docente

Com os melhores cumprimentos

Pel'O Presidente do Conselho Executivo



Qual é a pressa??? A urgência estará conotada com as tais “ordens/inquéritos” com prazos a serem cumpridos?

Aqui anda coisa... ai anda, anda!....

Acho muito sensato o conselho aqui apresentado. Portanto:

Olho vivo e nada de assinar papeis que possam comprometer alguém individualmente e/ou enfraquecer ou retirar a força da opinião/decisão da classe unida!!!!

ex-prof

rendadebilros disse...

Está tudo com a pressa para mostrar serviço ao ME se não levam tau-tau... para esvaziar a reunião de 15 de DEzº

Anónimo disse...

Pois eu não tenho dúvidas que houve, nestes últimos dias, intensa conspiração contra a vontade nacional dos professores, no referente ao modelo de avaliação que o ME pretende impor, estando a sua implementação já a ser dinamizada.

Há um Agrupamento pertencente à DREN, onde os professores discordantes são convidados a assinar a seguinte DECLARAÇÃO, constando nela todos os seus elementos identificativos:

“Eu abaixo assinado(a), declaro para os devidos efeitos que voluntariamente prescindo da Avaliação de Desempenho Docente referente ao módulo de avaliação do biénio 2007/2009, assumindo todas as responsabilidades e consequências inerentes.”

Sem dúvida que esta declaração, na prática, cumpre os mesmos objectivos do modelo publicado neste post.

Não há dúvidas que a política “dividir para reinar” está, uma vez mais, a ser posta em prática...

profª do norte
(peço desculpa por não poder ser mais precisa na minha informação, mas, de momento, não posso comprometer a fonte...)

Arrebenta disse...

Vão mas é trabalhar, seus parasitas!
Se têm tempo para andar a escrever bobagens em blogs tambem têm tempo para ser avaliados.

E então esta choninhas da kaotica é uma das tipas mais calonas que conheço e...

cala-te boca!

Professores é tudo uma cambada de calinas!

'A Sinistra Ministra' disse...

Fátima, acalma-te ...

Anónimo disse...

A ponta desta "nova meada" pode ser lida [aqui]

O retrocesso recomeçou e cavalga...

ex-profª