20071103

VALTER LEMOS CHUMBADO POR FALTAS



«Valter Lemos faltou três vezes e, por essa razão, chumbou por faltas e não teve o seu nome gravado na placa de inauguração de uma escola.

A história é simples e relata-a um jornal de Coimbra: Valter Lemos era o convidado de honra para inaugurar a EB1 de Casal de São Tomé, em Mira, tendo, por essa razão, o seu nome gravado na placa. Nela podia ler-se:

“Inauguração da remodelação da Escola do 1.º CEB e Jardim de Infância do Casal de São Tomé, por sua Ex.ª o Sr. Secretário de Estado da Educação Dr. Valter Victorino Lemos, sendo Presidente da Câmara o Dr. João Maria Ribeiro Reigota. 31 de Outubro de 2007”.

Só que a tentativa de inauguração das tais instalações remodeladas já tinha história: Valter Lemos já havia adiado, por duas vezes, a sua deslocação a Mira razão por que a placa já tivera de ser modificada por outras tantas vezes para mudar a data, uma em finais de Setembro e outra a 24 de Outubro.

Desta vez parece não ter havido paciência para justificar nova falta e a inauguração fez-se com a placa a ter de ser de novo alterada. Só que, agora, não na data, mas na referência a quem inaugurou a dita remodelação, o governador civil de Coimbra.

Para o futuro, fica a certeza de ninguém ter de explicar aos vindouros por que razão foi convidado para inaugurar a Escola do 1.º CEB e o Jardim de Infância de Casal de São Tomé um dos principais responsáveis pelo ataque à Escola Pública que tem vindo a ser movido pelo Governo de Sócrates. No presente fica a confirmação, pela atitude do governante, de que o que nasce torto, tarde ou nunca se endireita.

A Direcção» (SPRC)


3 comentários:

Anónimo disse...

Este tipo é um bronco também cheio de coragem...

Moriae disse...

bronco, talvez. corajoso, duvido ...

Anónimo disse...

O sr. secretário faz questão de dar o exemplo aos nossos alunos!