20080408

Dizer a verdade em público dá direito a processo disciplinar

"Pedro Jorge, Electricista e dirigente sindical, interveio no Programa Prós e Contras de 28/1/2008. Motivo invocado esta semana pelo patronato para lhe mover um processo disciplinar para despedimento: dizer a verdade em público! No vídeo anexo reproduzimos as 4 intervenções de Pedro Jorge no programa. São um libelo à liberdade que nos têm destinada as classes dominantes: a liberdade dos escravos. Por Abril, a luta continua! As liberdades defendem-se exercendo-as!" (?)


6 comentários:

cris disse...

Não há palavras. Quando a verdade é incómoda e a falta de escrúpulos abunda, sofre quem é honesto.

Anónimo disse...

Ouvi mal ou estarei enganado?

Cerâmica Torrense? O nome da empresa?

Será esta? Alguém consegue saber?
http://www.ceramicatorreense.pt/

Há um efeito eficaz sobre o poder económico. Exactamente igual à pressão exercida pelo capital sobre "os seus escravos". É ir-lhes ao bolso: BOICOTE-SE ESTA EMPRESA E TODA A MOVIMENTAÇÃO DOS CAPITAIS DOS ADMINISTRADORES BEM COMO DE EMPRESAS A ELA ASSOCIADA E VÃO VER QUE ESTES SENHORES TERÃO DE REPENSAR!

EXIJA-SE A IMEDIATA REENTRADA DO TRABALHADOR SANCIONADO!

Quem são os nomes dos senhores/as administradores desta empresa?

MAUS EMPRESÁRIOS E CULPADOS, esses sim, PELA CRISE QUE AS EMPRESAS PORTUGUESAS VIVEM COM AS IMPLICAÇÕES INERENTES PARA QUEM DEBITA O SEU SUOR DEVEM SER BOICOTADAS!

Já que o país está na merda que está acelere-se o grau de degradação para que esses olhos e cabecinhas se abram em vez de lamúrias constantes e acordos sindicais que afinal deixaram enterram completamente estas situações desHumanas!

O país está em Crise?

Então pare-se o País para pensar em vez da merda da escravatura em que a maioria das classe sociais estão, se deve abanar com toda a força a CORJA DE VAMPIROS QUE ANDA À SOLTA E A GOZAR COM O POVINHO!

BOICOTE-SE! É sobre ruínas que a vontade de reconstruir e ir em frente é maior.

zedeportugal disse...

Reparo que o texto que inicia o postal - "Pedro Jorge, Electricista..." - se encontra entre parenteses, o que significará(?) ter sido transcrito de outro lugar. Contudo, não é referida a fonte.
Gostaria de fazer eco desta notícia revoltante, mas preciso de saber qual a fonte citada e transcrita.
Ok?

Moriae disse...

Como consta das palavras chave, recebi estas palavras por e-mail. O autor não vem identificado.
Não conhecendo a fonte principal, primária, pode citar a secundária, como sabe. Perderá o privilégio de referir a fonte original ... é verdade ...
Não divulgo mais nada do que já referi.

Anónimo disse...

Ao ZeDePortugal... talvez fosse de perguntar a Fátima Campos Ferreira porque razão foi ela fazer falar aquele amigo que não teve papas na língua e disse umas verdades.

Para depois ser despedido?

O Prós & Contras afinal pode ser só mesmo Prós & Prós patronato.

É inadmissível... dona Fátima, emende a mão.

Anónimo disse...

para alem de tudo o resto numa coisa ele tem razão, os culpados disto tambem são os trabalhadores, mas 1 só, não chegará a lado nenhum, em tempos ali perto do ano de 1974, houve uma coisa em portugal que alguem disse que iria mudar para melhor, pudera para pior nunca pensamos ser possivel, a unica forma de lutar contra este tipo de coisas é todos nós nos juntarmos, boicatar não só as empresas como o proprio estado, aka coça para dentro, e desde já aqui digo que farei o que puder para boicotar esta empresa de onde o jorge foi despedido.